O 60º Campeonato do Mundo de Ornitologia já espreita…

Estou neste momento a ultimar os preparativos para mais um Campeonato Mundial de Ornitologia, neste caso, a minha 6ª participação pessoal (em 2002 participei na Bélgica, mas a forma como as minhas aves foram transportadas levou-me a não participar mais até 2010). Com muito pouco tempo e ainda muito a fazer (últimos banhos, limpezas de bicos e de patas, substituições de última hora, preparar a transportadora, etc.) já se avizinha o Mundial que terá como palco Almería, em Espanha. 

Este ano é sem dúvida a minha maior aposta, nomeadamente com 22 aves a concurso, é verdade… vou tentar roubar medalhas aos Espanhóis com 22 passarinhos. Inicialmente inscrevi 3 Bicos de Lacre e 3 Faces Laranja que vão concorrer individualmente; 2 Equipas de Bico de Lacre fêmeas + 1 Equipa de Faces Laranja, também fêmeas. Contudo, já se sabe à partida que podem ocorrer alterações… e é exactamente nisso que estou centrado neste momento. Já não vou poder levar a minha Equipa de Faces Laranja, pois tenho mais que uma ave com problemas de plumagem, mas vão ser substituídos por uma Equipa forte de Bicos de Lacre: nada mais nada menos que 3 elementos Campeãs do Mundo em Tours e uma irmã. Uma fêmea especial (que fez parte da Equipa Campeã) tendo 93 pontos no ano passado, vai concorrer este ano individualmente, substituindo o meu melhor macho de porte, que está a começar a mudar.

Sobram 2 machos Bicos de Lacre, um bom na linha de desenho e outro na linha de cor. Espero não ter de os substituir, pois posso dizer adeus a medalhas. Como já referi, vou apresentar 3 Faces Laranja, neste caso os que estão perfeitos de plumagem. Este tipo de aves tem um problema, a muda definitiva coincide sempre com os Mundiais. Todos mudam, uns mais tarde, outros infelizmente mais cedo. Apesar de gostar muito dos Faces Laranja, vou estar a torcer pelos Bicos de Lacre. Em Matosinhos um macho meu derrotou 2 Caudas de Vinagre da linha de Paul de Nil, que é para mim o maior e melhor criador de exóticos da Europa. Quem se lembra dos Caudas de Vinagre do Fernando Faria, sabe do que falo. Espero voltar a repetir a façanha contra os meus Faces Laranja, é sinal que a minha linha é fortíssima.

Para além dos Bicos de Lacre e Faces Laranja, vou concorrer com uma Equipa de Bengalins da Índia. As aves não estão a 100%, mas espero que dê para chegar ao Bronze. Este ano vou ter o privilégio de acompanhar o Mundial em tempo real, nomeadamente os julgamentos, pois vou estar lá a trabalhar. Em jeito de conclusão, concorro com 22 aves, para 7 medalhas. Não acredito chegar às 7, mas quem sabe 3. Sei que de Espanha vou contar com mais 3 Bicos de Lacre e destes lados, o meu amigo Mário Cabalu, vai levar 2 Faces Laranja. Pelo menos a classe F2-34 vai contar com 11 aves (espero que mais), algo que não acontecia há muito tempo. Em 2001 quando me consagrei Vice Campeão do Mundo, tive 16 Equipas concorrentes para além da minha e em individuais (não participei) eram cerca de 40. Claro que isto era antes do embargo da exportação de aves exóticas, mas eu continuei com o meu trabalho. 11 anos depois da minha primeira medalha num total de 4, tenho esperanças. Agora resta esperar.

 

About Fernando Domingues

Criador de aves desde os 14 anos.

Posted on 10/01/2012, in Sem categorias and tagged . Bookmark the permalink. 5 comentários.

  1. Boa sorte para o campeonato de certeza que será bem sucedido.

  2. telmo correia

    força
    tambem sou da zona de pardilho e estou a iniciar a criaçao de bicos de lacre e espero chegar ao nivel dos teus lacres ms para isso é preciso muito trabalho!
    boa sorte

    • Fernando Domingues

      Obrigado pelos comentários!

      Telmo, quando comecei a criar estas aves pouco ou nada sabia. Era um terreno por desbravar… Se gostas tanto deste pequeno exótico, os resultados acabarão por chegar. É uma etapa com altos e baixos… mas nunca desistas!

  3. Olá,
    pois claro que tem boas aves, tantos anos a apanhar(vá la que agora parou) é capaz de ter vindo alguma coisa. Essa do é irónico, o trabalho ocupado pelo magazine ornitológico, por favor… fazes porque queres, e ainda ganhas € se não quiseres paras.

    De qualquer maneira desejo-te boa sorte, aproveita enquanto a concorrência é nula…

    Há e mais uma coisa, ve se és mais humilde, até arrepias com tanta modéstia (gozo obviamente) no que escreves.

    Este comentario, já foi para abranger o post acima.

    O mais certo é apagares, mas de qualquer maneira boa sorte

    • Fernando Domingues

      Caro Manuel,

      Pelos vistos conhece-me melhor que ninguém, ou enquadra-se num típico problema cultural que é comentar aquilo que não conhece? Fica a reflexão.
      Quem me conhece certamente não partilha da sua opinião. Quando comecei a reproduzir estas aves em cativeiro, todos me desincentivaram a continuar pois era/é uma ave sem valor comercial. A minha primeira medalha num Campeonato do Mundo mudou a opinião de muita gente e começou a interessar muitos outros criadores.
      Há mais de 14 anos que trabalho a minha própria linha de Bicos de Lacre… pelo que quando fala em captura pode também adicionar os Faces Laranja e Bengalins da Índia à sua pseudo acusação inglória e descontextualizada.

      Quanto ao tempo ocupado pelo Magazine Ornitológico, mais uma vez comenta aquilo que não conhece… se pensa que este projeto apaixonante enriquece monetariamente alguém, pois desengane-se. Quanto a este ponto não vou tecer qualquer tipo de comentário, pois estou a escrever-lhe como criador e não como Editor do MO.

      Quanto à concorrência esta não é nula, devia estudar os últimos Campeonatos do Mundo e a própria classe das aves do género Estrilda. Para além das muitas subespécies, concorrem ainda com os Aeginthas temporalis. Tenho contado com concorrência portuguesa, mas ainda assim sem tirar prémio na classe individual arrecadei a melhor pontuação nacional com 91pts. Isto é apenas fruto de dedicação, paixão e trabalho pessoal, mas pelos vistos não conhece este significado. Tenho a plena consciência que não serei Campeão do Mundo (TriCampeão) para sempre com o Estrilda astrild… mas tenho outros trunfos na mão.

      Agradeço os seus votos de boa sorte e envio os meus.
      Quando os resultados surgem é muito simples criticar, ou lançar acusações como a que insiste. Em vez disso, comece a reproduzir estas aves e aprenda um pouco sobre elas, talvez um dia mude de opinião.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: